HISTÓRIAS DO POKER

Ivey vs Beal: a história do duelo que salvou o poker

Há 13 anos, 15 jogadores quebrados que colocaram a vida e banca nas mãos de Ivey; o destino daquele duelo poderia mudar o poker que conhecemos hoje

Ivey vs Beal: a história do duelo que salvou o poker

Houve um dia em que a história do poker como a conhecemos poderia ter mudado radicalmente. Um momento que determinou o futuro de nossa amada modalidade. Uma história que contaremos aqui.

Em entrevista ao site PokerNews, o profissional Raymond Davis , amigo próximo de Phil Ivey , contou um fato ocorrido em 2006, poucas horas antes de Ivey iniciar o lendário duelo contra o bilionário Andy Beal .

Foi esse um heads-up que teve como tempero, um sentimento latente de vingança, já que Beal havia arrebatado cerca de 13 milhões de dólares de vários amigos de Ivey, entre eles algumas estrelas do poker.

Eles queriam recuperar o dinheiro e por isso se juntaram a um grupo chamado «The Corporation«, formado por 15 profissionais, como, por exemplo, Doyle Brunson. O grupo, incluindo Ivey, juntou quase todo dinheiro que tinham, ficando muitos deles à beira da falência.

Com 15 milhões em mãos, ficou nas mãos do melhor jogador da época a vingança. Ou, no pior dos casos, a tragédia completa.  Era um duelo de vida ou morte. Ou melhor, de vida ou bust.

Ivey salva a turma toda
No final, tudo saiu como eles esperavam. Após três dias de heads-up, jogando No Limit Hold’em, com blinds de US $ 25k / $ 50ky e US $ 50k / $ 100k, Ivey lucrou 16 milhões de dólares. Por isso ele diz que «salvou o mundo do poker». Salvou o mundo do poker porque muitos figuras importantes recuperaram seu bankroll e sua estabilidade econômica.

Os bastidores do duelo
O embate entre Ivey e Beal, que salvou muitos no poker e deu a Ivey uma sessão para lá de lucrativa (para dizer o mínimo), quase não aconteceu. É isso o que conta o amigo do craque.

Dois dias antes do duelo começar, Davis jogava, em Los Angeles , um torneio com buy-in de $ 1.000 e restavam 40 eliminações para os jogadores entrarem na zona de premiação que começava na marca de $ 3.000.

Ivey, nervoso e ansioso, interpelou o amigo para lhe pedir ajuda. De cara, ofereceu $ 3.000 a Davis para que abandonasse o torneio naquele momento e lhe desse uma carona até o aeroporto. «Parabéns, você esta ITM», teria dito.

Percebendo a tensão no olhar e nas expressões de Ivey, o amigo não pensou muito, abandonou o torneio e foi buscar o carro. Durante a carona, Davis pediu mais detalhes e ouviu do «Tiger Woods do poker»: «Preciso enfrentar a Andy Beal, antes de quebrar e ter que procurar um emprego normal para poder viver».

Durante a viagem, Ivey, aflito, perguntava se o caminho estava correto. Davis, que morava em ‘LaLaLand’, sabia o que fazia.

No meio da conversa, o amigo perguntou a Ivey: o que leva na maleta? «Vários milhões de dólares». Após esses minutos de tensão, o craque mais icônico do poker desembarcou no aeroporto e seguiu para Vegas.

Após a sessão de cash, Ivey reencontrou o amigo em um jogo dos Los Angeles Lakers. Entre uma cesta e outra de Kobe Bryant , que naquele ano chegou anotar 81 pontos em uma única partida. Em jantar após a partida, o craque ofereceu ao amigo US$ 10 mil. «Tive uma boa semana», justificou ao ser perguntado sobre o motivo do presente.

¿Quieres enterarte primero de todo lo que sucede en el mundo del poker? CodigoPoker te brinda la mejor información minuto a minuto en tu social media. Síguenos en Facebook, Twitter, Youtube y Google

NOTICIAS MÁS LEIDAS Presentadas por